Produtos
Soluções
7 dicas para fomentar a adoção do seu aplicativo financeiro

7 dicas para fomentar a adoção do seu aplicativo financeiro

Atraia e retenha seus clientes, oferecendo um aplicativo financeiro útil e seguro. Veja dicas para melhorar a adoção do seu app aqui!

Você sabia, neste momento, o número de smartphones ativos é de 6,3 bilhões? Isso é equivalente a 80% da população mundial! Números tão grandes como esse se dão devido à grande necessidade de imediatismo dos usuários atuais e a vontade de estar sempre conectado. Quer se trate de um cliente bancário, de saúde ou do varejo, hoje em dia as pessoas querem poder realizar todo tipo de ação (ligar, se informar, comunicar e comprar) em qualquer lugar e a qualquer hora.

Por isso, para muitos, os aplicativos bancários têm se tornado tão imprescindíveis. Afinal, eles oferecem a possibilidade de verificar saldos, realizar transações, verificar chaves dinâmicas e até fazer investimentos quando quiserem e precisarem.

Mas apenas oferecer essa possibilidade de um aplicativo é suficiente para os usuários hoje? Como os aplicativos bancários podem oferecer um valor agregado maior para se destacar da concorrência e, ao mesmo tempo, fornecer experiências mais intuitivas, engajadoras e seguras para seus usuários?

A seguir, explicaremos como é possível facilitar a adoção de aplicativos bancários por seus clientes, levando em consideração seus padrões de compra, perfis demográficos, históricos e comportamentais, além de outros fatores essenciais. Confira!

7 passos para fomentar a adoção do seu app bancário

1. Certifique-se que a segurança é seu principal valor agregado

Não importa a qual geração seus clientes pertencem. Todos eles têm uma coisa em comum: o medo de serem vítimas de fraude. Infelizmente, o mundo está cheio de pessoas prontas para saquear contas, clonar cartões e quebrar chaves de segurança. Por isso, oferecer sistemas de segurança acessíveis apenas a partir do aplicativo é um bom caminho para conquistar novos adeptos do seu app.

Para isso, é possível aproveitar algumas das funcionalidades inovadoras que muitos dos smartphones atuais oferecem: reconhecimento facial, reconhecimento de biometria e outros métodos. De fato, segundo o Statista, o mercado de tecnologias biométricas promete crescer exponencialmente nos próximos anos e atingir, até 2027, U$55,4 bilhões.

O estudo destaca que este crescimento se deve em parte à rapidez e a facilidade de uso dessas tecnologias. Mas também à segurança que elas proporcionam, garantindo que 44% dos usuários considerem a possibilidade de realizar pagamentos online de forma confiável através desta tecnologia.

Outra forma de oferecer mais segurança para seus usuários é utilizando autenticação em dois fatores. Com ela, o usuário apenas consegue acessar o aplicativo da sua instituição financeira após uma segunda camada de confirmação de identidade. Ela pode ser através de push notification, SMS ou até mesmo da própria biometria.

2. Comunique-se com seus clientes de acordo com as preferências deles

O que isso significa? Bem, em primeiro lugar, é importante compreender em detalhes quais são os canais e as formas que seus clientes preferem receber informações financeiras, atendimento ou notificações da sua instituição. Ao ter essas informações em mãos, é preciso pensar em integrar esses canais de comunicação para uma abordagem omnichannel e sem atritos.

Segundos dados da consultoria Aberdeen, as instituições financeiras que têm conseguido, ano após ano, melhorar a experiência que oferecem aos seus clientes, através de uma escolha mais certeira dos canais de comunicação, têm registrado uma melhoria considerável nas seguintes métricas:

Fonte: Aberdeen

3. Invista em UX e em uma experiência simples e intuitiva

É importante lembrar que, ao acessar aplicativos bancários, os usuários buscam facilitar sua vida – e designs orgânicos e compreensíveis tornam esse processo mais fácil.

Em termos de UX, menos é (na maioria das vezes) mais. Por isso, busque especialistas que o ajudem a eliminar o ruído de comunicação que tantas plataformas têm e que atrapalham a jornada dos clientes no dia a dia.

4. Destaque sua seção de suporte ao cliente

Ao se conectar com aplicativos móveis, as pessoas exigem duas coisas: agilidade e inovação. Por isso que é importante adicionar novas formas de atendimento automatizado ao cliente para garantir ambas ao mesmo tempo. Esse valor agregado de oferecer métodos mais inteligentes de atendimento através de chatbots é uma excelente forma de melhorar a adoção do seu aplicativo financeiro.

Você pode, inclusive, adicionar dinamismo à sua seção de Perguntas mais Frequentes (FAQ) através de chatbots com processamento linguagem natural e tornar a conversa ainda mais humanizada.

Por fim, certifique-se de que é compreensível e de fácil acesso o local onde esta seção de atendimento está em seu aplicativo. Para que, com apenas um clique, todas as dúvidas dos seus clientes possam ser esclarecidas e as suas reclamações resolvidas. Para isso, deve-se levar em consideração fonte, tamanho, cor e localização desta seção para convidar o cliente a conhecê-la e acessar esse serviço inteligente.

Fonte: Aberdeen

5. Ofereça recursos que convidem para o planejamento financeiro

Que tal se destacar dos demais aplicativos de bancos e instituições financeiras e oferecer um sistema de monitoramento e educação sobre finanças pessoais? Este pode ser um valor agregado muito importante para seus consumidores e um motivo real para melhorar a adoção do seu aplicativo e até a captação de novos clientes. Em relação a isso, Ryan Caldwell, fundador e CEO da MX, afirmou que:

Os americanos estão se voltando para aplicativos de banco como uma ferramenta para controlar suas finanças e planejar seu futuro econômico

Ou seja, seu app pode ser muito mais do que o local onde um usuário resolve seu dia a dia financeiro. Pode ser também um local onde ele aprende, interage e se fideliza cada dia mais.

6. Crie uma estratégia de push notifications

Agora que você já tem em mente várias features importantes para ter no seu aplicativo, outro passo importante é comunicá-las para seu usuários. E isso pode ser feito através de uma estratégia bem montada de push notifications. Pense em uma cadência para mostrar aos seus usuários todos os benefícios e informações que ele pode encontrar no seu app.

Além disso, crie comunicações relevantes e instantâneas que sejam de interesse do seu usuário para torná-lo ainda mais engajado com o aplicativo. Seu cliente tem interesse por investimento? Mande informações e acompanhamentos em tempo real dos principais índices do mercado. Ele tem empréstimos contratados? Mande dicas rápidas para economizar e criar reservas financeiras.

7. Divulge seu aplicativo em suas outras comunicações

Não adianta nada você ter um aplicativo incrível, seguro e intuitivo se seus clientes não sabem a respeito dele! Por isso, uma parte importante para fomentar a adoção do seu app é, sim, divulgá-lo. Coloque um QR que direcione diretamente para as lojas de apps em seu site, folhetos, totens em agência, artes de campanhas e em qualquer outro lugar que seja condizente.

Na Infobip, temos as ferramentas necessárias para ajudá-lo a promover a adoção de seus aplicativos financeiros. Que tal conversar com um de nossos especialistas para saber mais? Marque um bate-papo clicando aqui.

Outros conteúdos que você pode se interessar

Conheça o panorama das fintechs na América Latina e do atendimento no setor financeiro em nosso infográfico!