Produtos
Soluções
Passo a passo completo de como vender no WhatsApp

Passo a passo completo de como vender no WhatsApp

Saiba como você pode usar o aplicativo mais usado no mundo para vender mais e engajar seus clientes. Confira as dicas nesse passo a passo completo!

Se você tivesse que me dizer um aplicativo que usa todo dia, eu poderia apostar que seria o WhatsApp. O app é quase unânime no Brasil e por isso muitas empresas também começaram a inseri-lo em suas estratégias de marketing e vendas.

Afinal, se você não está onde seu cliente está, você está perdendo oportunidades e dinheiro 😉 

Mas simplesmente disparar mensagens para toda a sua base de contato não é a forma correta de usar essa poderosa ferramenta. Neste conteúdo, vamos ajudá-lo a entender todos os detalhes de como vender no WhatsApp, as melhores práticas e dicas de casos de uso que você pode implementar agora mesmo. Confira!

Por que a sua empresa deveria vender no WhatsApp?

Como já mencionamos, o WhatsApp é um dos aplicativos mais usados no mundo – e especialmente no Brasil. Mas que tal colocarmos essa predominância em números? 

  • 99% dos brasileiros têm o aplicativo do WhatsApp instalado em seus dispositivos móveis (Mobile Time)
  • 76% dos brasileiros usam o WhatsApp para interagir com as marcas (Mobile Time)
  • 72% dos empreendedores brasileiros que têm uma loja virtual usam o WhatsApp Business em seus negócios (Sebrae)

Existem vários fatores que fazem do WhatsApp um aplicativo tão utilizado. Do lado do cliente, ele tem potencial para conversas bidirecionais e 1:1 – o que o torna um canal mais engajador e próximo do que outros como e-mail e push notifications. Já do lado das empresas, ele permite ganhos de produtividade e escala para a operação, pela possibilidade de conversas simultâneas (e automatizadas) – algo que telefone ou atendimentos presenciais não conseguem fazer. 

Outro fator interessante sobre o WhatsApp é que ele entrega dados sobre a utilização da plataforma, o que auxilia na metrificação e otimização da gestão comercial. Dados como velocidade do primeiro contato, tempo médio de conversa e número de atendimentos por dia são mais facilmente visualizados nesta ferramenta do que em outras. 

Tudo isso junto cria experiências mais engajadoras, resolutivas e cômodas para os usuários. 

Conta empresarial: WhatsApp Business App ou WhatsApp Business Platform (API)? 

Para vender no WhatsApp é fundamental que você tenha uma conta comercial associada à plataforma – independente do tamanho do seu negócio. É através dela que você poderá compartilhar informações sobre a sua empresa e ter acesso a ferramentas importantes para a otimização dos seus processos, como automações, catálogos de produtos e lista de contatos. 

E aí surge uma pergunta: qual tipo de conta comercial você precisa? Um WhatsApp Business App é o suficiente ou preciso ir para um WhatsApp Business Platform (antigo WhatsApp Business API)? Bem, depende do seu caso de uso. 

WhatsApp Business Apps são voltados para microempreendedores e empresas de pequeno porte. Ele permite que você tenha acesso a ferramentas como catálogo de produtos, etiquetas, mensagens automatizadas (de boas-vindas, de fora do horário de atendimento) e que construa um perfil da sua empresa. O grande porém deste tipo de conta é que ele não permite integração por API nem a associação a um chatbot. Ou seja, todos os disparos têm que ser feitos manualmente (mesmo que com o uso de listas de transmissão). 

Já o WhatsApp Business Platform (antigo API) é mais voltado para médias e grandes empresas. Eles permitem a conexão de centenas de agentes simultâneos para respostas manuais e integrações com chatbots para conversas automatizadas. Além disso, ele oferece a possibilidade de uma conta verificada (que traz mais segurança para os usuários que interagem com você) e diversas integrações com CRMs e outras plataformas de marketing. Para este tipo de uso do WhatsApp, você precisará do apoio de um provedor autorizado Meta, como a Infobip

Casos de uso de como vender no WhatsApp

Antes de falarmos sobre como vender no WhatsApp é bom ter em mente duas distinções da plataforma: 

  • Conversas iniciadas pelo usuário: quando um usuário inicia a conversa, existe um pouco mais de flexibilidade no conteúdo das mensagens, uma vez que elas não precisam ser pré-aprovadas. É possível usar mensagens interativas para engajar mais na comunicação e interagir com os usuários.
  • Conversas iniciadas pela empresa: quando uma conversa é iniciada pela empresa, é necessário que as mensagens sejam aprovadas previamente pelo WhatsApp e pode ser enviada apenas para  usuários que fizeram o opt-in na plataforma.

Em ambos os casos, é possível criar vários tipos de conteúdo para gerar leads, engajar e reengajar os seus clientes e usuários. Alguns desses casos são: 

1. Carrinho abandonado

Um caso de uso simples, mas muito eficiente é de lembrete de itens abandonados no carrinho de compra. Como forma de incentivar ainda mais a conclusão da compra, é possível oferecer um desconto extra ou um frete grátis. 

2. Retorno ao estoque

Assim como o lembrete de carrinho abandonado, você pode utilizar o WhatsApp para avisar seus consumidores que um produto que eles demonstraram interesse voltou ao estoque da sua loja. Desta maneira, ele pode ser um dos primeiros a fazer a compra do item. 

DICA: Lembre-se que este é um bom momento para usar o gatilho de escassez para reforçar a vontade do usuário de adquirir o produto. 

3. Cupom de desconto para clientes desengajados

Um consumidor que não faz uma compra na sua loja há um determinado período de tempo pode ser convencido a retornar após receber um cupom de desconto especial. Esse cupom pode ser para itens selecionados (baseados em compras anteriores) ou para todos os produtos disponíveis na loja. 

4. Recomendações de compras

É sabido que uma recomendação de produto bem feita pode ser muito benéfica para seus negócios. Essa é uma das maiores estratégias da Amazon e, hoje, é responsável por 35% das vendas do ecommerce/marketplace

Use comportamentos antigos de compra, itens que já foram marcados como desejados pelo usuário, carrinho de compras abandonado, conteúdos consumidos ou compras já realizadas para fazer recomendações personalizadas e efetivas para seus usuários. 

5. Pré-reserva de lançamentos

O WhatsApp pode ser um excelente canal para você divulgar uma nova coleção, produto ou serviço da sua empresa e criar expectativa em relação a ele. Que tal selecionar seus usuários mais engajados – ou que terão mais afinidade com o produto a ser lançado – e oferecer uma pré-reserva dele?

Desta forma, você consegue sentir como o mercado irá se comportar com a novidade, cria um pouco de buzz e já alavanca suas vendas para o momento de lançamento. 

6. Lembrete de eventos e agendamentos

Pode até não parecer, mas lembrar seus usuários de eventos e agendamentos deles com você é uma boa forma de aumentar suas vendas usando o WhatsApp. Dependendo da indústria para a qual você trabalha (por exemplo médicos e advogados), esse é um momento essencial para a geração de receita, fidelização e até geração de novos leads. 

Dica: Para tornar o lembrete mais interessante, você pode, por exemplo, oferecer um brinde especial ao seu usuário que passar pelo seu stand em um evento. 

Melhores práticas e dicas para vender mais pelo WhatsApp

1. Peça o opt-in dos usuários

Opt-in nada mais é do que uma autorização expressa dos usuários permitindo que você envie comunicações para eles em determinados casos. 

Ele é fundamental para enviar qualquer mensagem pró-ativa das empresas, mas também para garantir que suas comunicações estão em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). 

Nós criamos um guia completo de como você pode pedir esse consentimento para seus usuários e clientes. Você pode conferi-lo clicando nesse link.  

2. Crie catálogo de produtos

Uma funcionalidade disponível no WhatsApp Business é a criação de um catálogo de produtos com fotos, descrição, preço e link para realizar a compra. 

Esse é um excelente recurso para se ter em mente uma vez que ele irá facilitar muito a descoberta de novos itens pelos seus usuários e permitirá a compra com uma experiência melhor e mais simplificada. 

Se você tiver a função de pagamentos já implementada em seu WhatsApp, o processo pode ser inclusive concluído no próprio app. 

3. Automatize seu atendimento com chatbots

Uma vez que você tem acesso a um WhatsApp Business Platform, você pode começar a automatizar suas comunicações com o uso de chatbots. Isso oferecerá muito mais escala para seu atendimento e uma experiência muito mais fluida, rápida e engajadora. 

Você pode programar um chatbot que irá responder às principais dúvidas do usuário (por exemplo: sobre produtos, estoque, preço, formas de pagamento e entrega), fazer recomendações personalizadas e até para incentivar cross-sells e upsells de produtos e serviços. 

Para o WhatsApp Business App, é possível automatizar algumas mensagens mais simples. Por exemplo: informando os horários de atendimento, que a mensagem foi recebida e que será respondida rapidamente ou até respondendo algumas perguntas mais frequentes.

4. Faça uso dos recursos multimídia

Criar mensagens mais interessantes e engajadoras é muito importante para garantir que sua comunicação seja lida com atenção.E uma forma de fazer isso é fazendo um bom uso dos recursos multimídia que o WhatsApp oferece. 

Use emojis, vídeos, localizações, listas de opções, botões e outros recursos multimídia para fazer com que seu conteúdo chame ainda mais atenção dos usuários. 

Dica: além do uso de recursos diferentes, é importante diversificar também o tipo de conteúdo que você entrega aos seus usuários no WhatsApp. Não é a melhor ideia apenas tentar vender em todas as interações. Faça um mix de conteúdos com informações educativas, promoções, dicas de como usar melhor o produto comprado, tira dúvidas, entre outros. 

5. Integre seu WhatsApp a seus outros canais de comunicação

Integrar WhatsApp com outros canais de comunicação (como SMS, e-mail, voz, notificações push) que você utiliza permitirá que você crie uma verdadeira estratégia omnichannel. Desta forma, você garante que seus usuários não receberão informações repetidas e que você poderá reforçar algumas informações, promoções e convites em canais diferentes para ter mais assertividade e chances de o usuário ver seu conteúdo. 

6. Divulgue seu número de WhatsApp

Não adianta de nada ter um WhatsApp preparado para atender seus consumidores se eles não sabem que esse canal existe. Por isso, é fundamental divulgar esse número em anúncios nas redes sociais, materiais de marketing, no seu site, entre outros. 

Principais métricas para acompanhar o sucesso da sua estratégia de vendas no WhatsApp

Desde o início da incorporação do WhatsApp à sua estratégia de vendas, você deve definir quais serão as métricas que você irá utilizar para medir a eficácia das suas ações e o impacto que esse canal tem nas suas vendas como um todo. 

Algumas das principais métricas que você pode utilizar são: 

  • Tempo para o primeiro contato; 
  • Duração da negociação (especialmente para empresas B2B ou B2C com ciclos de vida mais longos);
  • Nº de compras concluídas/impactadas por este canal;
  • Receita gerada/impactada pelo WhatsApp;
  • Nº de chats abertos no mês

Leve o WhatsApp para a sua empresa em parceria com a Infobip

A Infobip é um parceiro certificado Meta desde 2018 e é o provedor ideal para lhe auxiliar na criação de estratégias de vendas, marketing, suporte e engajamento do cliente através deste canal. 

Temos casos de sucesso em diversos países do mundo (como Bolt, Kibon, Nissan, Unilever, Autopass e Leroy Merlin) e uma equipe preparada para entender as suas necessidades e colocar seu projeto de vender pelo WhatsApp para rodar rapidamente. 

Entre em contato com um de nossos especialistas e saiba o que podemos fazer para lhe ajudar! 🙂 

Conteúdos relacionados que você pode se interessar: